27 de nov de 2010

DOS PECADOS LINDOS QUE ELE CANTOU PRA NÓS...


Pois é, jazia o tempo em que eu entrava numa loja, escolhia um cd bala do Roberto Carlos, dos anos 70 e quando o atendente chegava, mandava:


É pra minha mãe...”


Até era. O roberto é pra minha mãe, pra sua que lê, para eu e você. Ultimamente (Nisso la se vão uns 5 anos..) tenho fuçado as coisas do Rei e descobri essa galera de Curitiba fazendo um apanhado legal da obra do Roberto entre 1967 e 1971. Fase em que nosso Rei flerta lindamente com o soul e o funk. No player, algumas pauladas desse cd altamente recomendável...